Páginas

terça-feira, 4 de março de 2014

Pequena menina monstro (Fernanda Serra Garcia)

Com um olhar distante,
Com um sorriso, falso meia boca.
Olhando pra tudo que fez, olhando pra tu que causou,
Pra tudo que pensou, pra tudo que SONHOU.
Tudo parece estar errado e sujo.


Tudo esta distante,

Pequena menina monstro,

Esta com o coração confuso,

Esta chorando, esta com a sua alma gritando.

Menina monstro, ela poderia ter pensado melhor,

Poderia ter sido gente, poderia ter sido diferente.

Talvez, não deveria deixar sua mente vazia, sozinha.

Menina monstro, levante e sonhe direito,

Mas deixe os pés no chão.

Olha para perto e sorria direito, sorria de verdade!

Não fuja, não se distancie.

Por favor, acorde desse sonho maluco,

Acorde para vida, confie em si...




Menina monstro, seja feliz outra vez,

Não derrame lagrimas por aí...




Menina monstro, mostre por aí

Que você não é " uma menina monstro"




..

Nenhum comentário: